Sunday, May 31, 2009

Coisas boas para este fim de semana!


O sol é tão bom...

Friday, May 29, 2009

Puristas only.


The Crow - The Cure Scene

Burn, dos The Cure. Da banda Sonora do Corvo.

20 pontos para quem ainda se lembrar do nome do gato!

Thursday, May 28, 2009

E o vídeo original.


Depeche Mode- Enjoy The Silence (Official Video)

Atentem, de 16 de Janeiro de 1990!!!

Animatrix.


Animatrix

Ando de volta das minhas coisas dos idos dos anos 90.
Levo de chapanço, principalmente, com as músicas.
No outro dia, fui a casa de Mamãe, e o meu irmão de 16 aninhos sai-se para lá com Nirvanas e RHCP dos náites.
Miss Freak saca aquelas cenas todas, obviamente.
Depois andei a ver o Corvo. Com o Brandon Lee, é claro.
Para piorar, esta semana andei na Fnac e dei com um best off de Depeche Mode...

A ideia era meter aqui o vídeo, mas dei com esta cena - o Animatrix - quem viu os três filmes do Matrix, percebe - e uma versão que não conhecia, dos Lacuna Coil. Não está má, mas não é a original!

Fica aqui o registo, e vejam o filme, que é excelente!

Wednesday, May 27, 2009

Esclarecimento por parte do blog da moda:

Ao contrário do que foi anúnciado hoje de manhã nas notícias da Sic, Oliveira e Costa NÃO afirmou "não se sentir traído por ninguém".

O que ele realmente afirmou foi "que não se sentia ATRAÍDO por ninguém, exceptuando uma paixão assolapada pela Jaciara ex-Deco-actual-Sandro-Milton-Angélico quando a menina exibia cerca de 120 kg na balança, e, vá, um arrufozito sem importância pelo Herman José", em resposta à jornalista da Vip, que ia a passar na altura.


Tuesday, May 26, 2009

Só mesmo em Portugal.

Além de uma tabuleta destas à saída de um cruzamento algures entre o Vau e a Atouguia da Baleia, só mesmo um carro com quatro malucos, uma abóbrinha e uma cadelita a alta velocidade em marcha-atrás para tirar esta foto com um iPhone!

De acordo com os próprios, este torneio de sueca "está melhor sinalizado do que S. Pedro de Moel!".

(imagem mestramente captada e gentilmente cedida por Edu, manobra arriscada de condução graciosamente elaborada durante cerca de 200 metros numa estrada municipal perto de si por Jorgix. Os mais sinceros agradecimentos da autora, que não estava em condições, agarrada à barriga de tanto rir!)

Saturday, May 23, 2009

Mas o Fogo que não se extingue.

Faz-me renascer!


Eu fui Fogo.

Estou reduzida a cinzas.


Thursday, May 21, 2009

Magia do dia-a-dia.


Return to Innocence - Enigma - Click here for the funniest movie of the week

Há quem diga que o segredo da Vida é tão simples que pode ser escrito numa pequena esmeralda.

Lavender and Sunflowers, by Hazel Barker

(bem, a veia foi-se mesmo, mas ao menos sempre temos direito a umas fotos e isso!)

Um bocadinho de sol, era tão bom...

Coisas pequeninas, que eu peço...

Wednesday, May 20, 2009

Hoje estou para o Klimt.


A Lua das Ursas

Que lua é essa que arrepia os meus pêlos
E rasga a pele com garras de ursa?
Que frio lunar é esse que me enlouquece
E me afoga nos líquidos de uma colméia?
Que fome é essa que me emburaca
E reflete nas pedras as minhas ancestrais?
É somente uma lua
Nada mais que uma lua.
Uma pausa sideral
Sem nome
Um intervalo negro
Sem forma
Um nó de Ísis
Sem pescoço
Uma árvore
Sem floresta.
É somente uma lua bêbada
Na fronteira de Hécate.
Um mistério de Elêusis revelado
Um décimo terceiro trabalho
Sem Hércules.
É somente uma lua fadista
Na cova das musas
Uma reticência portuguesa
Na caverna da medusa.
É somente uma lua
Que quer ser lua
E nada mais que uma lua.
(por Márcia Frazão. Uma bruxinha!)

Tuesday, May 19, 2009

Really now, where's the catch?


Eddie Vedder - Guaranteed - Click here for more free videos

Eddie Vedder a solo, na banda sonora do filme "Into the Wild".

Apurado.

Pearl Jam, anos 90.


Pearl Jam - Funny videos are here

Nunca hei-de estar suficientemente agradecida ao Vlad, que me apresentou as estas coisas!
(E tenho andado a ouvir Nirvana, acreditas?)

Aqui, "Black", das melhores!

Monday, May 18, 2009

Anos e anos e anos depois...


Red Hot Chili Peppers - Otherside - Funny videos are here

Será sempre a minha música preferida.

E o vídeo também.

Thursday, May 14, 2009

Aprendam que eu não duro sempre.


http://www.metacafe.com/watch/yt-yfzmJh7sxgk/the_prodigy_live_phoenix_festival_96_02_breathe/ - Funny bloopers are a click away

Era assim que se dançava nos náities.

Há um concerto destes em que o estrunfe verde se baba de forma sobrenatural, imagem essa que ficou gravada para sempre na memória da minha família, porque estávamos a almoçar e a ver o Top +, pelo que ficou regra lá de casa que, a partir dessa altura, "televisão, sim, mas nada de programas da juventude!"

Now you've done it!

E acabei de meter uma dose daquelas de cafeína para dentro.

Depois de uma noite sem dormir, só mesmo a porra de um dia em que marcam aulas e reuniões com uma hora de intervalo entre cada.

Nem uma pessoa tem vida, nem pode trabalhar!

Acho que é desta que atiro alguém pela janela!


Entretanto, vou elaborando teorias acerca do tópico "Karma e seus mais imediatos efeitos, ou até que ponto uma pessoa lixa o seu próprio karma quando se mete na vidinha pacata das outras pessoas e lhes implode o karma".
A sério, vão ser muitas horas a olhar para as paredes daquele cubículo.
É que em termos práticos não dá nem para ir beber um cafézito à praia, mas também tens muitos minutos para queimar quando estás a ouvir o tique-tique do relógio.
Tempo é relativo, lá dizia o outro...
Correcção, acho que é desta que me babo na reunião de Conselho Docente. Tipo Prodigy, mesmo.

F**********!!!!!!

Irra, que me enerva!!!!

Tenho cá uma vontadinha destas de andar à estalada!!!!!!!

E de dizer muitos palavrões!!!!! Daqueles bem asquerosos!!!!!!


E gritaaaaaaAAAAAAAARRRRRRRRRRRR!!!!!!!!

(se calhar foi por ter passado uma parte da noite a jogar Paciência no telemóvel, e outra parte a olhar para o tecto da sala)

Vai-se a ver...


Wednesday, May 13, 2009

Tuesday, May 12, 2009

Eu sei.

Um dia.
Sem medos.
Com as minhas certezas, que não nascem da teimosia, apesar do que me possam dizer, mas de algo muito maior, muito mais puro, maior que eu, maior que a minha compreensão.
Um dia, eu sei.


Monday, May 11, 2009

O coração do Lobo.

O que vai dentro do coração de um lobo?
O lobo é selvagem, mas luta com honra.
É solitário, mas tem coragem para dar a vida por um irmão que não conhece, ou até mesmo por um irmão que o tenha magoado.
Luta com glória, sem saber sequer porque o faz, mas apenas porque, cá dentro, sabe que é assim que tem de fazer.
Ama a sua família acima de tudo, e é ela que está em primeiro lugar no seu coração em cada batalha que trava.
O lobo é forte, mas doce. Cruel, por vezes, mas carinhoso para com os seus.
Mesmo embrenhado na maior das dores, é capaz de estender a mão ao irmão que o feriu e, olhando-o bem dentro nos olhos, dizer-lhe “Eu ajudo a levantar-te, e dou-te coragem para enfrentar a luta.”
Ama profundamente, para sempre. E nunca desiste.
E às vezes aquele lobo que parece fraco e sem ambições, é capaz de se revelar forte, inabalável, convicto, capaz de defender toda a alcateia.
Um líder.
Escolhi o caminho certo? Não sei.
Nunca se sabe, na verdade.
Muitos caminhos que pareciam certos revelaram-se ilusórios.
Caminhos valorosos perderam-se no tempo, amigos preciosos foram ficando para trás.
É engraçado, que são estes que agora nos estendem a mão e nos ajudam a voltar ao nosso caminho.
São estes que, apesar de parecerem distantes, sentem “novelos no coração” quando estamos em baixo, e qualquer coisa neles lhes volta a atenção para nós, que precisamos.
“Que a Nossa Senhora vos proteja.”, dizem, longe, sem saber de nada, mas sentindo que algo está em turbilhão.
Mas estamos cá para aprender.
Mesmo uma batalha em que saímos derrotados tem lições fortes que não podemos esquecer nunca. Principalmente essas.
O lugar por onde caminho agora foi escolhido de coração aberto.
É difícil. Tem muitos obstáculos, muita dor.
Tenho muito medo, mas coragem também e, agora que aprendi, não sou capaz de baixar a cabeça.
Eu sabia disso quando o aceitei.
Mas foi escolhido pelo Amor Maior.
E mesmo que nunca chegue onde EU quero, tenho a certeza que vou chegar onde é preciso para que o Amor Maior seja fortalecido.
Nós escolhemos sempre a nossa batalha, o nosso caminho, por vezes mesmo sem saber porquê.
Independentemente do que dizem os outros, do que dizem os astros, do que dizem as cartas, do que está escrito no Destino.
Se o Destino te diz “Vais falhar!”, tu podes responder “Não! Eu é que escolho! E vou vencer!”.
Sei que a parte mais difícil ainda não passou.
Um passo de cada vez. Todos eles com Coragem no coração e nos gestos. Com Fé. Com Esperança. Com Amor.
Um dia, talvez compreendamos este mistério.
A batalha ainda não terminou, mas os meus joelhos, agora que conhecem a minha força, não vão vacilar. Menina-inocência, Mulher-Guerreira. Sou todas elas.

Ao E., a voz da razão, que me sabe escutar e compreender, porque fomos irmãos noutra vida, e o somos nesta.
À V., que já perdoei e a quem agradeço do fundo do meu coração, porque sei que ela foi um instrumento do meu Anjo para me ajudar, para me acordar e para me indicar o caminho. Por quem um dia senti uma amizade tão forte que desejei que fôssemos irmãs. Não te esqueças, quando te sentires desalentada, de ver o álbum que te demos no teu último aniversário, pois lá sentes a sinceridade do meu amor e carinho por ti.
À Índia e à Zabete, irmãs-guerreiras, que me abriram os olhos, ampararam a queda e ajudaram a levantar.
À minha Mãe e à minha Avó, que estão longe e não sabem de nada, mas que sentem os “novelos no coração” e que rezam por mim.
E, acima de tudo, ao meu Guerreiro, que me inspira, que me dá coragem na luta, que faz crescer o meu Amor de forma que nunca pensei possível. Que possa eu a ele inspirar, dar coragem, estender a mão e ajudá-lo a levantar. Amo-te.
Amo-vos do coração. Obrigada.

Thursday, May 07, 2009

Coragem.
Fé.
Esperança.
Amor.

Cair, levantar e olhar em frente.
Aprender. Crescer. Perder os medos.
Ser eu própria.
É o mais importante.

É-me impossível deixar de acreditar no Amor Verdadeiro quando o sinto a pulsar tão forte e intenso cá dentro, apesar do coração estilhaçado.

Sei que, um dia, um golpe de Magia o irá sarar.
Eu sei esperar.


Tuesday, May 05, 2009

O último capítulo.


Este post é uma despedida e um agradecimento.
Em alturas de maior desorientação, de maior frustração, já pensei em fechá-lo. Afinal, tanta gente escreve, e tão melhor que eu!
Mas a razão que agora me leva a isto é simples, clara e completamente irreversível.
O Fogo da Vida que sentia cá dentro e que às vezes parecia querer iluminar este mundo e o outro foi cruelmente extinguido pela própria Vida.
A minha vontade de escrever, de pesquisar, de procurar mistérios, de querer conhecer, aprender, saber. Desapareceu tudo.
Ainda não sei que lição terei de aprender, nem o que uma pessoa pequena e simples como eu pode fazer para melhorar alguma coisa em algum sítio, mas sei que Ela escolheu a forma mais cruel para me levar a isso.
Ainda não conheço o meu caminho. Agora tudo à minha frente surge obscurecido pela dor e pelas lágrimas.
Rezo pela protecção e orientação do meu Anjo, e vou levando o dia-a-dia como se estivesse não na Vida, mas num pesadelo estranho que um dia irá acabar.
A todos vós aqui aqui vieram ao longo destes anos, que acompanharam as minhas pequenas loucuras quotidianas, os meus desabafos, as minhas parvoíces, um grande Muito Obrigada.
Muita sorte para todos!