Friday, December 29, 2006

O Espírito festivo em alta!! ...já o perdi de vista!

Venho desta feita apresentar alguns provérbios e outras expressões tradicionais – que nós somos um povo muito dado a isso, diga-se de passagem... – em cujo protagonista é o pirum (coloco desta maneira porque é assim que é foneticamente designado em grande parte dos casos, desde pela família do lado da minha tia Maria dos Prazeres que mora nos Arneiros, até às tias da Linha, passando por primos distantes no Alentejo e pela cunhada da sogra da enteada do Ti Jorge Gadanha, que mora no Forno Telheiro e sofre de buço desde os 4 anos de idade).
Relíquias culturais próprias desta época de festa e de união familiar, de cujo final alegremente nos aproximamos, qual o inocente e inchado pirum dirigindo-se resoluto para o cutelo!
Bem... em alguns casos já se foi... Paz à sua alma.

. Quem não tem cão, caça com pirum.
. Grão a grão, enche o pirum o buxo.
. Quem semeia milho, colhe piruns, e tem de os enxotar da horta.
. Pirum escaldado, de água da panela tem medo.
. Em boca fechada, não entra pirum.
. Pirum que saltarica, não está bom da barriga.
. Fia-te no pirum e não corras, especialmente se ele vier a correr atrás de ti.
. Pirum inchado, caldo entornado.
. Puxar a brasa ao seu pirum.
. Nem à noite se confunde um pirum com um pargo.
. Quem espera pelo pirum, sempre o alcança na consoada, a não ser que prefira bacalhau, que isso gostos não se discutem...





A imagem apresentada é uma modesta coincidência e, quem sabe, o mais devotado sonho de muito boa gente...
Até porque não tinha lógica nenhuma, nesta época, fazer um coisa deste tipo sobre o Zé Milho...

6 comments:

India said...

Tiveste bem Amiga!!!!!
Os teus provérbios estão impecáveis!
E, FornoTelheiro... não te esqueces por onde andaste perdida,... foste ter à forca!!!! Ai,Ai!
Bom Ano 2007!!!!
Que 2007 seja tudo o que precisas e que tudo o que precisas seja o que desejas!! (Às vezes não são compatíveis!)
Beijos aos dois!!!
Um destes dias de 2007 passo pelo litoral! Quando o gelo começar a derreter por aqui pelas montanhas!
Fiquem bem!

Maria Ostra said...

Pobre Pirum...
E que provérbios magníficos! De fazer inveja a uma Ostra ;)
Bom Ano, Marta! :)

biodesagradaveis said...

bom, ultimo comentario que faço de 2006.
se eu morrer entretanto apaga-me dos teus links.

Bxana said...

"Puxar a brasa ao seu pirum"

Gostei!:)


E um bom 2007!

x-prep said...

O que é sofrer do buço?:s

Bom texto, sim senhora. Aliás, gastei uma das passas a desejar que continues inspirada

maf said...

Muito bom!!
Sim senhora!!
Mais um bocadinho e peço-te umas aulinhas...
Especialmente de provérbios que lá nisso eu nã sou grande coisa...
Tudo de bom, pelo menos para os piruns que por cá ainda andam...