Tuesday, July 10, 2007

As pessoas que moram na minha cabeça. Capítulo terceiro.

O Baldomero.

Saído directamente das fornalhas ardentes da Idade Média, é totalmente incapaz de controlar as suas óbvias descargas gasosas, especialmente depois de beber coisas com bolhinhas, tipo guaraná, coca-cola, super bock green, ou até mesmo um vulgar chá de hortelã pimenta.
Solta originais e assustadoras tiradas, que fariam corar o campeão 2007 das "Bocas de Homens das Obras, Calceteiros e afins".
Vencedor da "Taça Turela de Arrotos de Estremecer as Paredes e de fazer a Pensionista do Andar de Baixo Acordar Estremunhada da Sua Sesta" nos últimos 6 anos, consecutivamente, prepara-se agora em grande força para o próximo campeonato, treinando intensivamente as suas técnicas ancestrais e adoptando modernos sistemas de ataque, que o tornam cada vez mais imbatível.
O Luís, por vezes, manifesta um certo receio dele.
Mora no r/c esquerdo, porque tem noites em que só de rastos consegue chegar a casa. É quando bebe dois copitos de Casal Garcia fresquinho.
O Baldomero, tal como as outras pessoas que aqui moram, também gosta de gatos.
Guisados com batatinhas e tiras de pimento assado na brasa a acompanhar… ok, estou a brincar!
O Baldomero não se manifesta: para ele é indiferente, desde que não durmam com a bufa em cima da cara dele, ou que não o apanhem a dormir e lhe urinem nas costas quando estiverem com o cio, tanto lhe faz.
Não se livrou da tatuagem do gato preto assanhado na nádega esquerda.
Infelizmente, no seu caso, teve de ser com um ferro de marcar gado em brasa, que na Idade Média não se conhecem tatuadores de jeito. Pelo menos sóbrios.
Serviu de inspiração a uma célebre personagem de uma blog-novela de acção bastante conhecida, a ver nos links aqui ao lado, nas Linhas Desorientadas.

E olhem, nada de fotos por agora, que o blogger não está para aí virado.
Vamos lá a ver se não é preciso começar a reduzir o número de computadores aqui do espaço net à maneira de coiso e tal...

2 comments:

Bxana said...

Tu tens uma "queda" para a Idade Média!:)

És medievalista? Quando ainda era chavalita ingénua (ou seja, ainda a semana passada) acreditava que depois da faculdade ia tirar um mestrado em Cultura Medieval, à laia de Umberto Eco, e comprar uma casa ali ao lado do Convento de Cristo.

Depois comecei a receber as contas para pagar e desci à terra :(

Miaus!!!

Marta said...

Eu queria tirar um curso de História, mas o pessoal aqui de casa queria uma teacher...

Ainda estou a pensar numa pós graduação, e estou aqui bem pertinho de Óbidos, mas o Convento de Cristo era pedir a Taça do Campeonato Europeu...