Monday, August 21, 2006

Blog Memória

Barman do Quo Vadis:
- Então o que é que querem beber hoje?

Eduardo dos tempos áureos:
- O que é que tem aí de forte?

Barman do Quo Vadis:
- O mais forte que tenho é Absinto.

Eduardo dos tempos áureos:
- Só isso?!? Não ha nada mais forte?!?

Barman do Quo Vadis:
-...bem, só se fôr o alcóol de assar as chouriças...

Para a Vera utilizar quando necessário...

4 comments:

maf said...

Bem... Esta é demais!!
Belos tempos!!
Não tive o prazer de conhecer o Edu nesta altura.
Mas tenho uma muito boa!

1ª Vez que o Eduardo visita a nossa casa na Rua José Maria Nicolau:
Assim que lá chega e consegue ficar cerca de 5 min. sentado no sofá da cozinha, lembra-se que está cheio de fome. Vai daí num relompante, levanta-se e vai ao frigorífico abre a porta deste e... Depara-se com uma embalagem de queijo flamengo fatiado e diz: "Ah, só tens queijo Limiano..." "É que eu só gosto de Terra Nostra!"
E prontos acabou-se!! Senta-se no sofá e não comeu nada!

Marta said...

Tenho fotos dele a dormir de boca aberta. Foi a própria esposa que as tirou. Queres que te mande?
Assinado: Uma das Conspiradoras...

Eduardo Rafael said...

Bem... claro que tenho que responder, né? A do absinto realmente confirmo pois até eu achei engraçada a resposta do barman do "Quo Vadis", se bem que nesse dia já não me lembro bem do que aconteceu a seguir... Em relação ao queijo na casa da Mafalda também acho que é verdade. É que eu tenho um costume um pouco intrometido de observar as coisas coloridas que as pessoas pôem dentro dos frigoríficos. Então se houver vários tipos de iogurtes é mesmo demais...

maf said...

Todos nós temos formas muito particulares de nos fazermos conhecer ou demonstrar aos restantes seres humanos.
Alguns têm formas mais engraçadas, outros mais sérias, o que importa é estarmos sempre perto dos amigos e sentirmo-nos muito à vontade para que tais devaneios ou brincadeiras sejam possíveis de acontecerem tal como as que atrás foram identificadas.
E pela parte que me toca adoro que sejas assim Edu, como só tu sabes ser. Autêntico!!
Afinal de contas nem todas as pessoas amuam com 30 anos, né?! (Como eu, quando não me fazem as vontades...) ;)